segunda-feira, 2 de setembro de 2013

...

imagem do google


Eu tenho uma
dessas almas penadas
que vivem
em compasso de espera
em estado de aguardo
no anseio do milagre
do dia sagrado
sou alma  de santuário
abarrotada de
expectativas e orações
que desatina
procrastina e sonha
espera
mas não sabe o que
espera...

4 comentários:

Mirian Lamy disse...

essa foi na minha veia...lindos versos.bjs

Eraldo Paulino disse...

Sobre o poema, uma palavra: Alma.

Para você: Um beijo no batom!

Leonardo B. disse...


[em cada verso,

semente, sopro de alma
que vive.]

um abraço,

Lb

Só pra você disse...

Profundo esse momento poético, parabéns, toca o coração.

Bjs

Auxiliadora RS