sábado, 11 de dezembro de 2010

vida





Eu alvoreço
com raro alvoroço
bem antes do amanhecer
Quando as vésperas
da aurora
singram obstante
a aura madrugada
Quando os zéfiros
sopram claridades
e fazem despertar
almas dormidas
E ainda que
renitente à vida
eu nasço dia a dia
rematada de afetos
Reinventada...

24 comentários:

Maria Rita disse...

E assim seguimos com nossas vidas e mortes diárias!

Beijos pra Ti

AC disse...

Respirar a essência dos dias, beber-lhe o sentido...

Beijo :)

Lara Amaral disse...

Revigorou-me! =)

Beijo.

Em@ disse...

nascer, renascer, sempre.
reinventarmo-nos é preciso.
beijo

cristinasiqueira disse...

É assim ,feito um passarinho...
alvoreceu-me.

beijos,

Cris


Adorei te ver no Jô,senti orgulho e
fiquei muito feliz com o teu sucesso.Adorei te ouvir.

Marcantonio disse...

Re-inventos ávidos.

Beijo.

Mirze Souza disse...

ROSS!

Lindo poema! Amei!

Ainda bem que a re-invenção existe.

Beijos!

Mirze

Batom e poesias disse...

Rita,
Grata por vir e comentar, querida.
bj

Batom e poesias disse...

A.C.,
Nem tudo faz sentido, mas sigamos mesmo assim.
Bjs

Batom e poesias disse...

Larinha,
Se temos que acordar, que seja revigorada.
Bjcas

Batom e poesias disse...

Em@,
Tem toda a razão.
bj

Batom e poesias disse...

Ôoo Cris, querida!
Fico feliz que tenha gostado.
Inda mais você que é da terra da música...

bjs

Batom e poesias disse...

Ávida por vida, Marcantonio.
bj

Batom e poesias disse...

Mirze, minha amigamada

Ainda bem, senão sei lá o que seria de nós...rss
bjs

Mário Lopes disse...

Assim a esperança é possível.
Porque as aves que nascem dentro de ti, apenas se orientam pelo azul que ainda consegues roubar daqueles inumeráveis dias cinzentos que se repetem, sem memória. Esperam a manhã clara, quando o ar é mais leve, para arderem, ainda.
Então, do silêncio do seu grito liberta-se o azul, como se te devolvessem a vida que lhes tivesses dado.


Linda poesia, a tua, Rossana. Ou não fosses "filha do céu azul das manhãs de primavera".
Beijo terno.

Amiga do Cafa disse...

Delicia acordar reinventada...

Bela poesia !

beijos

tonhOliveira disse...



Em tempos de comemorar
renascimentos, rever,
reviver e reinventar...

:)

Juliana Carla disse...

Rossana,

Ainda bem que renasce a cada dia. É sinal que ama a vida! Ser vegetal é o mesmo que viver na solidão... Escuridão... Aonde me perdi?

Bjuxx e xeroo querida.

Batom e poesias disse...

Mário,
agradeço o carinho e os beijos.

Batom e poesias disse...

A gente tenta, Cel...
Bjcas

Batom e poesias disse...

Tonh0

Bom mesmo seria ser redesenhada...
rss
bj

Batom e poesias disse...

Ju
A gente sempre se acha na poesia.
Bjs, linda.

A.S. disse...

... renasces em cada alvorecer!!!

Beijos!
AL

Batom e poesias disse...

Albino,

Gosto quando vem.
bj