sexta-feira, 16 de outubro de 2009

composição


Chet Baker

Você me toca
como você toca
Notas longas
lentamente
Semibreves e harmônicos beijos
delicadamente
E de repente inesperado
investe intensamente
improvisa em mim
imprevisíveis solos
audíveis somente
pelos sentidos
Compõe nas pautas
que me risca as costas
com as digitais
Melodia sensual
tátil
Dedilhando arrepios
Como se em mim
houvesse um pistão
em cada ponto
que pressiona
Sopra-me essência
e desejo
E seu ritmo perpassa
transpassa e ultrapassa
meus sentidos
Acelera e sobe o tom
Semínimos toques
Fortíssimo
Rápidos
Agudos
Até que eu me faça bailarina
e me dissolva
em gotas
musicais...

48 comentários:

Mateus Araujo disse...

UaaaaaaaaaaaaaaaaaaaUuuuu

U.A.U


!!!


DEMAIS!
Falar de música pra mim é como comer chocolate!
kaoskaska
imagine
Eu adorei!
*_*

Layara disse...

Lindíssissísssimo!!! [com todo meu exagero...rssss...]

Versos lindos!

E seu ritmo perpassa
transpassa e ultrapassa
meus sentidos
Acelera e sobe o tom...

gosto de aliteração, esse som do ssss, vibram de prazer, quando lemos.

Beijos e otimo fim de semana!

Wania disse...

Perfeito!!!!

Que coisa liiiinda... ser instrumento, ser pauta, ser música e acabar em bailarina!

Só amor consegue isso, mas só a pena de um poeta consegue fazer essa tradução perfeita!

Parabéns, Rossana

Bj em SOL MAIOR pra ti

Batom e poesias disse...

Mateus,
Que bom que veio.
Música para mim é como ar.
Fico feliz que gostou.
bjs

Batom e poesias disse...

Layara
Adoro seu exagero!
Contente por gostar.
bjs

Batom e poesias disse...

Wania
Ser instrumento, pauta e música...

É desse jeitinho mesmo que a vida ganha trilha sonora.

Grata, linda.
bjs

Eduardo P.L disse...

Seu simpático comentario no VÍTIMA DA QUINTA me troxe para conhecer seu blog! Estou no lucro!!!
As caricaturas não tem a intenção de embelezar, nem tão pouco retratar a beleza das minhas Vítimas!!! Eu concordo que a DETETIVE Wania é MUITO mais bonita que sua caricatura!
Cuidado, você pode ser a próxima!

Bjs

Marcos disse...

Que mistura gostosa dos sentidos, Rossana! Coisa de quem saca bem os tons que a vida manda...

BAR DO BARDO disse...

Que música bem tocada!

tonhOliveira disse...


Comqualquerposição há toque...

Tocou-me delicadamente...

Música é AR.

Beij♥s!

Adriana Karnal disse...

Rossana,
é a mais pura transmutação...transformar-se em música...ai q lindo menina!!!

Dilberto L. Rosa disse...

Gostei de seu 'jazz' sem improvisações: simples e direto! Mas gostei ainda mais da prosa poética (ou seria poesia prosaica?) do beija-flor no seu latifúndio de corações! Abração!

Mai disse...

Toque no ritmo dos corpos.
Composição, com posições delicadas, sutis, plásticas.

Estética invejável, Rossana.
Beijos, amiga.
Bom final de semana.

Batom e poesias disse...

Hehehe, Eduardo
Estou protegida com a minhas mão na frente!
Que bom que veio. Eu adorei seu trabalho.

Volte sempre.
bjs

Batom e poesias disse...

Marcos
A gente tem que aprender a ouvir a "trilha sonora" do bem viver..
bjs

Batom e poesias disse...

Prof,
Se não for bem tocada, não vale a pena...
bjs

Batom e poesias disse...

TonhO,
Música é ar, sim...
E tem que ser puro para a gente respirar bem...

bjs musicais

Batom e poesias disse...

Adriana,
Se eu realmente pudesse transformar-me em música, eu queria ser uma em tom maior, bem alegre.
Que bom que gostou.
bjs

Batom e poesias disse...

Dilberto,
Que bom que veio e que gostou.
Você também tem um lote no latifúndio musical do meu coração.

bjs

Batom e poesias disse...

Mai,
Se você diz, eu acredito, porque escreves como um anjo.
Bjs

blognotapreta disse...

Mas! Bah!

Que peça!

Não sei se foi música...
Afinal o que foi?
Letras?

Ah! Como eu gosto...
Do que pensas!

Um abraço!

Adriana Godoy disse...

Que lindeza, Rossana...Fiquei até ouvindo música. Gostei demais, de verdade. beijo.

Batom e poesias disse...

Léo (notapreta)
Sei lá o que foi, tchê.
Importa que eu gosto que goste.
bjs

Luciana P. disse...

Lindo!
... e me dissolva em gotas musicais.
Show de metáfora!
Foi como uma música em que a sonoridade vai e vem e se mistura às emoções num ritmo frenético, alucinante e terno ao mesmo tempo.
Adorei!
Beijos!
Um ótimo dia pra ti!

Batom e poesias disse...

Adriana,
Te acompanho faz um tempão.
Gosto muito de sua escrita livre e encantada.
Grata por vir.
bjs

Lara Amaral disse...

Uau, belíssimo. Sensibilidade, sensualidade, uma beleza =)!
Beijos, poetisa.

Mirse Maria disse...

Oi Rossana!

No cenário a música em qualquer tom, semitom, mínima ou breve, combinaria com seu ballet majestoso de sentimentos e estática poética!

Que venha, pois o Ballet!

Parabéns, poeta!

Beijos

Mirse

R.Vinicius disse...

Adoro música; é uma paixão que tenho. Não falo tanto sobre, pois não me cabe cantar (o que eu gostaria que fosse possível), então me cabe compor (e houve um tempo em que tocava). Ouço muito Michael Bublé (e recomendo).

obs: Fiz mudanças no Folhas Avulsas e a convido para vê-las .. comecei a postar alguns poemas meus. Abraço.

Wilson Torres Nanini disse...

Certamente essa música não existiria sem a bailarina - ainda mais sem o relento de um vinho tinto...

Mário Lopes disse...

"Um sonho"


Agora que Chet já se juntou a Miles, Bowie, Cherry e a outros deuses mais antigos-se é que o tempo passa para eles-que andaram cá na terra sem nós sabermos que o eram, e que outros-Douglas, Rava- por cá andam, ainda, tocando o instrumento de sopro mais difícil e exigente que existe-trompete-, agora que já não vou ficar paralisado no meio de centenas paralisados a ouvi-lo cantar e tocar "my funny valentine" ou "i fall in love too easily", eu imagino-o, dividido em dois, lá no seu lar, a Rossana cantando e o trompete do companheiro alternando, subindo docemente, irresistivelmente, na escala ou escada belíssima que é este poema, até àquele lugar só prometido às aves, e por artes que só os deuses dominam-e estando a nossa poetisa tão bem relacionada com eles-transformarem-se num só, e "dissolverem-se em gotas musicais", por cima de nós todos, outra vez paralisados, como só Chet saberia fazer.


É o que faz escreveres poemas assim: os sonhos nascem!
Beijo terno.

Batom e poesias disse...

Obrigada Larinha.
Você é sempre umm doce em seus comentários.
bjs

Batom e poesias disse...

Que venha o ballet, Mirse!

Estou tão em falta com você, amiga.
Minha internet está com problemas,

Grata por vir.
bjs

Batom e poesias disse...

Vinícius.
Que legal o novo "Folhas".
Vamos acompanhar teus poemas, então.
Bjs

Batom e poesias disse...

A baliarina é um detalhe, Wilson.
Mas o vinho vem bem a calhar.
bjs

Batom e poesias disse...

Mário
Adoro trompete, sua força quando é preciso e sua maciez nas horas certas; e Chet é pra mim, um grande mestre da alternância melódica desse instrumento tão difícil de tocar, como você disse.
Adoro também quando ele toca e canta "My fanny valentine".

Obrigada por vir, e pelos comentários tão pertinentes e doces.

beijos ternos, também.

Batom e poesias disse...

Luciana,
Desculpe-me, mas pulei você.
Agradeço a visita e o comentário carinhoso.
bjs

j. monge disse...

Chet Baker respirava para o trompete, um dos meu favoritos.
Tu respiras para a tela (é assim que se diz no Brasil?) branca.

Beijo

Batom e poesias disse...

Oi João,
Eu respiro para viver e ouvir, belas músicas e ler belos poemas como os teus.
Prazer recebê-lo, poeta.
bjs

Dilberto L. Rosa disse...

Já li em algum lugar que tua poesia anda sem internet... Uma pena: os Morcegos gostariam de te convidar para conferir alguns versinhos por lá... Beijão e volte logo!

Lara Amaral disse...

Fiz um poema sobre música. Apareça lá, se der, sinto sua falta no meu cantinho.
Bjos.

Batom e poesias disse...

Oi Dilberto,
ela anda apenas inconstante.
Mas vou sim, com imenso prazer.
bjs

Batom e poesias disse...

Vou sim, Larinha.
Não vou perder esse prazer de ler-te por nada.
Um beijo

Anônimo disse...

Como o trumpet do Chet... I loved it !!
Paradox Doc

Batom e poesias disse...

Anônimo
Então tá...

mirian disse...

Está muito lindo isso. Paixão, amor, sensualidade, talento.

mil beijos

Batom e poesias disse...

Yeh! To pegando o trumpetista...kakaka
bjs

Zenilda Lua disse...

Amei!!!!!
SHOW!!!
MIl...
arrepiosa!
bjz
adoro-te

Batom e poesias disse...

Ze, você apareceu!
Saudade florida e arretada.
bjs