quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Penas


Ando a escrever com drama
a tingir-me os dedos
com a mais encarnada
das penas
que rasgam versos
É assim mesmo
que sempre quis
Línguas de fogo
a lamber-me o peito
em infindáveis madrugadas
Dentes afiados
a arrancar-me postas
De tal modo
que eu verto versos
e me subverto evasiva
É assim mesmo
que eu gosto
Doendo até o fundo
do cerne de mim
Demorar-me a morrer
faz de mim quem sou
Imprecisão fortuita
acelera o compasso
do meu peito aflito
ao adentrar no palco
A urgência é minha cena
o gemido o idioma
E a minha caneta
é vermelha...

32 comentários:

mirianlamy@hotmail.com disse...

amiga, vc está insuperável...parabens !!!mil bjsss

Adriana Karnal disse...

nossa, enrubesci...sua linda

Beth/Lilás disse...

Demais! Lindo poema e me fez pensar que às vezes sou meio assim "dramática".
bjs cariocas

Flavio Ferrari disse...

Da caneta vermelha
A tinta
Incendeia à centelha

MIRZE disse...

LINDO, ROSS!

Sei que você é assim. Um lindo e real poema!

A M E I !


Beijos

Mirze

olhar disse...

você escreve com as vísceras!

Parabéns!

um beijo,

Bia

Aline disse...

que bom sorver nessa tarde fria uma poesia assim: aquecedora!
delícia!

Dilberto L. Rosa disse...

Minha caneta anda azul ou preta... Ainda bem que a tua permanece vermelha-carmim, ré, ré! Tuas lindas aliterações, sinestesias e rimas intercaladas continuam lindas! Adorei o poema! Um beijo do seu amigo sumido! E não, não me referia a você lá na última postagem da última temporada...

P.S.: e tem poesia nos Morcegos - corre lá!

valéria tarelho disse...

Três coisas que não vivo sem: batom, poesia e a boa leitura que encontrei aqui.

Beijo, obrigada pela visita ao textura :)

V

byTONHO disse...



RED PEN.as!

:o)

Lai Paiva disse...

Lindo, minha querida. Beijos

Miltextos disse...

Aqui também tem sangue...

Batom e poesias disse...

Mirian, você é fofoa.

bj

Batom e poesias disse...

Adriana, eu que ruborizei... rss
Bejs

Batom e poesias disse...

Beth, eu acho que sou "Um e meio" dramática... rss

Grata pela leitura lá no "Me and you". Você deixou tudo mais bonito.

bjcas

Batom e poesias disse...

Flavito
Andas inspirado...
Adoro!

bj

Batom e poesias disse...

Não é a minha cara, Mirze?
O drama em pessoa... rss

bjs, querida

Batom e poesias disse...

Bia, você é uma linda!

bjs

Batom e poesias disse...

Aline, sua presença por aqui, sempre aquece meu coração.
Grata e bjs

Batom e poesias disse...

Dilberto, já fui, já comentei, e claro que gostei!

Sua canetinha anda colorida também, não tente me enganar...rss

bjs

Batom e poesias disse...

Valéria, seu comentário me encantou.
Grata por vir.

bjs

Batom e poesias disse...

Que peninha, Tonh0...
Vermelhas, claro!

bjcas, querido.

Batom e poesias disse...

Lai, fico feliz por gostar, querida.
Grata pelo apoio constante.

bjs no ♥

Batom e poesias disse...

Jorge,
eternamente...

bjs

Toninhobira disse...

Linda e acelerada definição.Bela construção Rossana.
Abraços.

Nielson Alves disse...

ADORO SUAS PALAVRAS MOÇA,

Retratos da alma disse...

Rossana estive aqui gostei muito do que vi, com certeza voltarei! Belo trabalho moça!

Paulo Ednilson

Batom e poesias disse...

Toninho, agaradeço muito.

bjs

Batom e poesias disse...

Nielson,
estava com saudades, moço.

Bom que apareceu!

bj

Batom e poesias disse...

Muitíssimo obrigada, Paulo.
Feliz por ter vindo!

Bjs

Eraldo Paulino disse...

Nossa! Entre muitas coisas que sinto falta, quando meu tempo era mais folgado, vir te ver, falar contigo, é algo que verdadeiramente me marca.


Adoro tua sensibilidade e talento.

Bjs no Batom!

Batom e poesias disse...

Sinto sua falta também, Eraldo.

Bjs, querido!