terça-feira, 19 de janeiro de 2010

sobre tempo...


16 comentários:

Lady disse...

A vida é uma escola e a cada dia aprendemos algo, sempre enriquecendo nossa bagagem.
Bjs

Mai disse...

"...E tocar um instrumento e cantar..." Cantar e espantar males. Pausar e ouvir sons. O silêncio - sonora poesia e MELoDIA.
Beijos, Rossana. Lindo dia prá ti.

Fabio Rocha disse...

Perfeito. Mais ainda pra minha fase. :) Bjs

Mirse Maria disse...

As pausas! Como são importantes...

belo e reflexivo, amiga!

Mas para mim seu ritmo já estava com pausas.

Parabéns!

Beijos

Mirse

BAR DO BARDO disse...

Acho que os grandes cantores têm o direito (e, talvez, o dever) de desafinarem.
Imagino mais, uma música apenas composta por pausas...
Sei lá!

Beijo, Rossana!

Lara Amaral disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lara Amaral disse...

Eu ainda não, por isso me pego sendo espetada pelos staccatos sorrateiros!

Adorei!

Beijos.

Paradox Doc disse...

E eu estou na fase dos melismas....
Lindo texto, como sempre !

Eraldo Paulino disse...

As vezes penso que o ritmo do tempo é inversamente proporcional ao nosso interesse por ele.

Bjs no batom!

Juliana Carla disse...

Olá Rossana

Como analisar no turbilhão? A pausa é necessária para enxergarmos o que se dava por perdido...

Bjuxx e xeroo

Mateus Araujo disse...

o som é mais intenso depois que ouvimos o silêncio...

"hoje respeito as pausas" Lindo! *_*

bjomeliga kkk

Maux disse...

Lindo poema e lindo blog. Voltarei sempre.

Batom e poesias disse...

Mateus, você é música para os meus olhos...rss

bjteligo

Batom e poesias disse...

Que bom que gostou, Dora (Maux).
Fico honrada com sua visita.

bjs

Geraldo de Barros disse...

Rossana, estou adorando muito sua poesia, lindo!

=)

grande beijo!

Batom e poesias disse...

Feliz, Geraldo.
Feliz de tudo.
bjs