sexta-feira, 5 de março de 2010

Voar contente



Quero viver a vida
levemente
Como uma criança
em dia ensolarado
Colibri alegre
acelerado
Bicho solto
descomprometido
Eu não quero a vida
assim tão densa
Nem cor escura
nas paredes tristes
Nem carregar
angústias como fardos
Por dias melancólicos
em que vingo
Peço licença
para voar contente
Sob o sol exuberante
com que sonho
Num dia sossegado
de domingo.

38 comentários:

Mai disse...

Um pleito ao divino - ser flor e pássaro a beijá-la. Ser ave florida grafando em ares poesia ou desejando alegria prá enfeitar a terra, lenir as dores, adornar amores.

Quisera, Rossana, bem quisera.
beijos e bom final de semana

Allyne Araújo disse...

extremamente lindooooo... bjos

tonhOliveira disse...



Contente < ^ > v ˇ ° ª r !

be:)os!

Wania disse...

Rossana

E poesiar é tudo isso...e que contente tu voe longe!


"Poesia é voar fora da asa" - Manoel de Barros

Lindo, lindo, minha amiga!
Voo contigo...

Bjão carinhoso pra ti!

Mirse Maria disse...

Que delícia de poema, Ross!

Um sol exuberante, cano de colibri e o voo do sonho de "bicho solto"

Tudo isto é a vida que palpita forte e atenta em você, amiga!

Beijos

Mirse

Simplesmente Outono disse...

Meu paradoxo, muito prazer...

Sorrisos e lágrimas, algumas vezes ao mesmo tempo.
Superações e mágoas andaram de mãos dadas em sua maioria.
Desafios e surpresas nem sempre superados e tão agradáveis assim.
Infinitas dúvidas e certezas, uma perfeita e delicada simbiose.
Um pedido: que os melhores sentimentos simplesmente permaneçam onde estão.

Simplesmente Outono.

Léo Santos disse...

Ah! Eu também quero viver a vida desse mesmo jeitinho bacana que tu... Quem me dera! A vida feito um dia sossegado de domingo! Quem me dera!

Um abraço!

Batom e poesias disse...

Mai
Querer já é um bom sinal.
bjca

Batom e poesias disse...

Que bom que gostou Allyne.
Volte sempre.
bjs

Batom e poesias disse...

TonhO
Sempre fico feliz quando vem.
Muito.
beij♥s

Batom e poesias disse...

Linda doutora,

Estamos sempre voando juntas.
Sei que somos do mesmo bando.

Isso pra mim é uma grande honra.
bjs

Batom e poesias disse...

Você também é do bando, Mirse.
E eu te adoro.
bjs

Batom e poesias disse...

Michele,(simplesmente outono)

Gostei muito da sua postagem.
Somos seres paradoxais mesmo, mas o melhor é seu pedido final: que os melhores sentimentos simplesmente permaneçam onde estão.
Amém!

bjs

Batom e poesias disse...

Léo,
você tem jeito de quem não aguentaria esse sossego todo.rss...
Quem sabe?

bjs

Solange Maia disse...

também quero viver a vida assim...

menos densa...
menos fardos...

mais vôos...
mais domingos...

beijo bem grande

Geraldo de Barros disse...

vamos voar, voar sempre!

=)

Batom e poesias disse...

Solange

Senti muito sua falta por aqui.
Gosto muitissimo da sua escrita.

bjs

Batom e poesias disse...

Vambora, Geraldo!
bjs

Lara Amaral disse...

Lindo, Ross!
Daqueles que a gente escreve no espelho para sorrir sempre.

Beijos.

cristinasiqueira disse...

Oi Rossana,

Desacelerar,ter domingos com vestido novo de ir à missa...mesmo que a missa não exista mais seja você a santa do seu altar.E amanhã ,de manhã é domingo,dia de "voar contente"e se surpreender sendo gente
contente.

Apareça,

Cris

tossan disse...

Você mistura bem o batom com a poesia, nem cor escura e paredes tristes. Belo! Beijo

Wilson Torres Nanini disse...

É bom saber que há mais alguém que queira dias de circo e ciranda. Precisamos só de cuidado, poetas (pássaro que somos, para não voarmos raso, à proximidade dos alheios muros altos. Abraços!

Batom e poesias disse...

Sim, Larinha.
Como uma oração diária.

bjs, linda.

Batom e poesias disse...

E lá se foi mais um domingo, Cris.
Boa semana!
Vou lá.
bjs

Batom e poesias disse...

Oi Tossan
Quanto tempo!
Que bom que achou bonito.
bjs

Batom e poesias disse...

É verdade Wilson.
Até com a felicidade temos que tomar cuidado.
Muitos muros...
Beijos

Rodrigo Braga disse...

Nossa...deixar a vida transcorrer com leveza e naturalidade talvez seja o que sempre procuramos. O poema traz a sensação que o tema pede. Lindo!!!

Adoro seu blog.

Batom e poesias disse...

Oi Rodrigo.
Conheci seus dois blogs e gostei muito. feliz por gostar do meu.
Grata pela visita.
bj

EDUARDO POISL disse...

MULHER II

Mulher é a expressão maior do amor
É semelhante uma flor
Consigo carrega o perfume
Que encanta e da alegria a vida.
Deixando-a mais sensível, alegre e bonita.

Mulher é a musa do poeta
Que em versos expressa o carinho
A sensibilidade, a delicadeza
A sexualidade e toda a beleza
Que há neste Ser de olhar frágil
Meigo e amável
Fonte inesgotável de inspiração.

Mulher é a manifestação
De um Deus invisível
Que se torna visível
No amor e ternura que nela há
Onde seu Ser se esvazia
Amando com total dedicação.
O Ser amado e sua criação.
Quando ama, ama sem limites
Mesmo que a dor
Seja sua constante companhia.

(Ataíde Lemos)

"FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER!!"
Abraços com carinho

Everton Domingues disse...

Lindo poema, Rossana. Vcs mulheres tem mesmo um Q especial. Por isso, são a mais doce inspiração em nossas vidas. Sejam mães, amigas, irmãs de fé, companheiras, divas... exemplos! Vcs cativam a todos nós homens pelo coração.
Bj enorme, Rossana, cheio de carinho em seu coração.

Everton

PS.: No www.vancouverolimpica.blogspot.com deixei uma singela homenagem a todas as campeãs da vida!

Batom e poesias disse...

Eduardo,

Que bonito o poema do Ataide Lemos que você usou para nos homenagear.
Sinceramente comovida.
Grande abraço.

Batom e poesias disse...

Everton, linda homenagem às mulheres das montanhas, e à todas nós.
Muito bom seu blog.
Abç

j. monge disse...

quando estou um tempo sem passar
me vingo e me deixo ficar

ficar


Um beijo!

Batom e poesias disse...

Vingue-se João...
Deixe-se ficar, poeta.

fique

Outro beijo!

Eraldo Paulino disse...

Sou um beija-flor que mesmo parado em pleno ar trabalho muito, mas sem deixar de me deliciar com o néctar da flor.

Bjs que borram o batom!

Adriana Godoy disse...

Uau...que lindeza. Eu também queria...beijo.

Batom e poesias disse...

Eraldo,
Não responda nunca,meu amor,
a qualquer um na rua "beija-flor"...

bjcas

Batom e poesias disse...

Adriana,
A gente voa na poesia, querida.
bjs