sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Cismando...

Guiomar (minha linda) pensando...


Comoção é uma emoção
que de tão comovida
compromete o sentido da vida?


Não sei bem se é legal
“Deletar” uma pessoa
é assassinato virtual?


A vida inteira só fiz te pertencer
Mas que adianta ser tua
se não existe “você”?


Poetas que se contém
nas palavras e sentimentos
adquirem outras incontinências?

12 comentários:

Assis Freitas disse...

boas interrogações,


beijo

Flavio Ferrari disse...

Da questão da comoção
dispensável
o ponto de interrogação
e o poeta por essência
é um incontinente deplorável
que não contém a efervecência
da sua emoção

Phoenix disse...

"A vida inteira só fiz te pertencer
Mas que adianta ser tua
se não existe “você”?" Não adiante..o amor é para ser dado e recebido. =)

Beijinho

P.S. A cadelinha está LINDA!!! eu sou apaixonada por cães, especialmente pelo meu, o phoenix :P mas a tua está com um ar tão introspectivo..linda**

tonhOliveira disse...



Gostei do que li.cão!

Comocinha emo, cãoplicada...
Cãomovida cãopromete-se!
Não me cãotenho, fico au! au! au! zando!
Incãotinências?...

Não sei a só.lu.cão

Loucão EU?

Um abra...são!

"Ah! o BOONE (meu cãochorrinho) latiu-te!"

:)

Mirze Souza disse...

Ross!

Que lindo esse cãozinho!

Concordo com sua definição de comoção.

Assassinato virtual é de morrer de rir, como o camarada que se acha corno virtual. Só dá isso agora.

Quanto à estrofe "ROSINHA", tomara que não. Já pensou?

Ai, linda e meiga amiga, às vezes penso em você como uma criança amada e querida.

Beijos

Mirze

PS: MELHOR POST DA NOITE!

Eraldo Paulino disse...

Beijar no batom passado no lábio
é o mesmo que beijar o lábio?

...

Dúvidas me apetecem também!

Bjs no batom!

Olívia Comparato disse...

Justas, poéticas e encantadoras dúvidas!
Beijo grande

Zélia Guardiano disse...

Matéria para reflexão , querida!
é par se pensar...rs...
Excelente poema, Rossana!
Abraço e beijinhos, querida!

Marcantonio disse...

Cismando junto: comoção deveria ser uma grande emoção compartilhada... É?
Dependendo da pessoa, deletá-la pode ser legítima defesa virtual.
Que a outra incontinência do poeta não envolva a bexiga a-poética!

Mas, existe você!

Beijo.

Wania disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Wania disse...

Rossana querida!!!

Putz... fiquei cismada tb!

1)Pelo menos o da visão, acho que sim...
2)Proliferarão os serial-killers???
3)Vou pedir ajuda para os universitários...rsrsrs!
4)Incontinência de poeta é poesia caída...rsrsrs!


Lindos e criativos estes teus tercetos!!!
Bjão



PS: que coisa mais amadica a Guiomar pensando, vou apresentá-la para o FRODO "BANDEIRAS", meu vira-latas super charmoso...rsrsrs! Acho que ela vai gostar! ;))))

Lara Amaral disse...

Adorei as frases, Ross!

E dá um abraço apertado na sua Guiomar por mim, adoro cachorro, linda!

Beijo.