quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Lições

Gale Franey

Lucidez lúdica
Inconfessável transbordamento
de essências transparentes
que benevolente me enobrece
Desobriga-me de dedicações
que por si se estabelecem
por condutas afetuosas e bilaterais
Desembota-me os sentidos
Acera-me a libido
Amplia horizontes meus
Eu aprendo a ser melhor...

20 comentários:

Adriana Karnal disse...

desembota-me os sentidos...a poesia nos atiça a sermos melhores, mesmo qdo as palavras não são lá doces.

Celso Mendes disse...

aprender a ser sempre e sempre é o segredo.

muito bom!

beijo.

MIRZE disse...

LINDA ROSS!

Melhor, é impossível!

Beijos

Mirze

byTONHO disse...



amp.li.ei os conhecimentos!

:o)

Luna Sanchez disse...

Tudo o que desobriga, nesse sentido, nos engrandece.

Lindo, Rossana!

Um beijo.

Sonhadora disse...

Minha querida

A poesia, embora digam o contrário é lucidez pura.

Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Toninhobira disse...

Que força poetica amiga,neste eviscerar sentimentos e com eles expostos reerguer nossa fortaleza. Só mesmo a alma poetica em elevação pode transitar nesta reflexão perfeita e bela.
Bela semana de paz.
Carinhoso abraço com admiração.

Jorge Pimenta disse...

quanto do que sou é apenas palavra? e o que sobra depois da enxurrada verbal? entre o ser e a voz, que relações? [contradições].
ah, como é bom deitar-me neste cadeirão tocando as notas a que a tua música incita!
beijos!

Batom e poesias disse...

Algo assim como aprender com a dor...
Bom que veio, Adriana.
Bjs

Batom e poesias disse...

Celso, aprender também é um exercício e tanto...

Bjs

Batom e poesias disse...

Grata, Mirze.
Você é sempre fofa!

bj

Batom e poesias disse...

Tonh0,
que bom que você existe!
bjssssssssss

Batom e poesias disse...

Que lindo comentário, Luna!
Exatamente!

bjus

Batom e poesias disse...

Diria que é um raciocínio emocional, Sonhadora.

Feliz por vir.

bjs

Batom e poesias disse...

Toninhobira,
como gostaria de ser uma alma poética em elevação!
Fiquei muito comovida com seu comentário.

bj

Batom e poesias disse...

Questão mais que relevante, Jorge.
Quanto do que sou é de verdade?

Como é bom ouvir tua melodia por aqui.
Bjs

Cris de Souza disse...

aprende que nos ensina!

beijo, rou rou*

Batom e poesias disse...

Cris,

bjs

Miltextos disse...

Ser mais...

Vc é demais.

E melhor.

A própria poesia...

Batom e poesias disse...

;D

Bj