segunda-feira, 23 de novembro de 2009

cara a cara



Andei visitando
meu rosto no espelho
Analisei cada ruga
Não preenchi as emoções
com plásticas ilusões...

Refiz expressões

Vi pregas de sorrisos largos
"Pés-de-galinhas" causados
por olhinhos apertados
Resultados
de gargalhadas
muito bem dadas

Ora vejam!
Mais dois vincos...
Bem aqui
entre sobrancelhas
São apenas centelhas
de alguma preocupação

Nos lábios mais dois
e outros dois
Quatro novas marcas
de viver...

Já sorri
Gargalhei
Fiz muxoxo
Já chorei
Encantei-me...

E quem diria:

Percebi que a tristeza
até envelhece
Mas o que deixa marcas
do bom combate
é a alegria!

38 comentários:

Simplesmente Outono disse...

Linda,
Sem dúvida o comentário foi tão belo quanto à tua gentileza.
Obrigada de verdade e sinceramente.
Quanto ao texto: uma belíssima constatação. Perfeita, eu diria!
Com carinho, Simplesmente Outono.

cristinasiqueira disse...

oi Rossana,

As marcas da alegria se entrelaçam as da tristeza e ao final,quem diria
formam as marcas da ousadia.


Beijos,beijos,

Cris

Carlos Eduardo Leal disse...

Olá Rossana,
Cheguei aqui através da Cristina Siqueira.
É lindo o teu poema que vai além do espelho e reflete um outro tempo: o tempo da sabedoria. Sabedoria feminina sim, que nos leva ao encantamento das marcas da alegria.
Abraços,
Carlos Eduardo
Se puder, me visite em:
veredaspulsionais.blogspot.com

Batom e poesias disse...

Obrigada Michele (simplesmente outono)
Bom demais te ver por aqui.
bjs

Batom e poesias disse...

Cris, minha querida.
Gosto tanto quando vem e comenta...
Um beijo na alma

Bruna Maéli disse...

Lindo post, Rossana. Realmente as pessoas precisam ver as coisas boas e importantes da vida. As rugas não são nada mais que marcas dizendo: Eu já vivi muito e intensamente a vida.
Se escondê-las fizer a pessoa mais contente, tudo bem. Mas é bonito ver quando a pessoa não esconde tudo o que já viveu e simplesmente aceita que o tempo passa. O que ficam são as lembranças.

tonhOliveira disse...



Isto chama-se idade da sabedoria!

Muito bom Rossana!

Minha mãe tem "exatamente 87 marcas" no rosto,
um mapa dos caminhos que andou...

Beijos!

Rossana disse...

Que benção, Tonho!

Já andei a metade disso, mas espero chegar até lá... ou mais.

bjs, meu querido!

Hammelinn disse...

hola amiga !!!

linda tu poesía !!!

un placer venir x tu blog

te dejo un beso grande

desde Montevideo

................................

DESPEDIDA

Como um pião é a vida, companheiros.
A vida gira como tudo gira,
e tem cores como as do céu. A vida,
a vida é um brinquedo, companheiros.

De trabalhar brincamos muitos anos,
de estar tristes ou alegres, muito tempo.
A vida é o pouco e o muito que nós temos;
a moeda do pobre, companheiros.

De gastá-la brincamos muitos anos
entre risos, trabalhos e canções.
Assim vivemos dias e compartimos noites.
Mas vem chegando o inverno que esperou tantos anos.

Quando o sol se levanta a despertar a vida
e penetra umidades e delírios noturnos,
quisera novamente estar junto a vocês
com minha antiga moeda a brilhar entre as mãos.

Mas vem chegando o inverno que esperou tantos anos.
Adeus, adeus, adeus, saúda-os um irmão
que gastou a moeda de um tempo já passado.
Adeus, já chega o inverno que esperou tantos anos.

LÍBER FALCO
Montevidéu, 1906 - 1955.

Flavio Ferrari disse...

To usando um creminho otimo ...
O negocio do violao eh comigo ?
Bj

Gilbamar disse...

A alegria contribui para uma vida sadia e um envelhecimento cheio de rugas felizes. Seu poema é instigante e reflexivo para todos nós.

Poético abraço de Gilbamar.

Lara Amaral disse...

Senti como se tivesse feito o poema para mim. Pois hoje, ao olhar-me no espelho, pensei em várias mudanças desse tipo, já que foi meu aniversário dia 23, hehe...

Beijos.

Batom e poesias disse...

Grata pelo poema, Fede.
Estava com saudades de tua presença por aqui.

Lindo o poema de Lìber Falco.
Um beijo

Batom e poesias disse...

Oi Bruna!
Bem vinda por aqui.

Não sou contra os cuidados e os procedimentos que as pessoas fazerm para se sentir melhor e mais bonitas, não.

Nos poemas a gente exagera um pouquinho.

Volte sempre.
Um beijo

Batom e poesias disse...

Flavito, continue se cuidando para manter essa bela tez suave e macia... hehehe

Quanto ao violão... Você começou.

Beijoca em sol maior.

Batom e poesias disse...

Oi Gilbamar

"Rugas felizes" é um termo super bonito. Gostei.
Grata por vir.
bjs

Batom e poesias disse...

Larinha!
Quer apanhar?

kkkk
Te adoro, criança!
beijão

Batom e poesias disse...

Carlos Leal

Não me esqueci de você.
Passei pelo teu blog e deixei lá um recadinho.
Grata por ter vindo
bj

Hneto disse...

Tristeza que não envelhece não tem garantia.

Adriana Godoy disse...

Ou seja, se deixamos marcas no rosto é que valeu a pena. Indicam que vivemos intensamente as dores e alegrias dessa vida. Belo poema, Wania. beijo.

Mário Lopes disse...

Cada ruga
cada prega
cada marca no teu rosto,
não é sol posto
nem refrega
nem fuga:
é alegria
da dor libertada,
é flor do dia
na madrugada arrancada,
é o coração escorrido
pelas margens da ternura,
onde o amor perdura
como um fruto colhido
nas mãos de uma criança
que ainda sonha com o mar
e com os teus olhos o alcança.




Que a alegria nunca te falte, querida Rossana!
Beijo.

Batom e poesias disse...

Oi Herculano.
Fui conhecer o seu blog e adorei.
Grata por vier e comentar.
bj

Batom e poesias disse...

Grata por vir e comentar Adriana.
bj

Batom e poesias disse...

Mário, você sempre os meus poemas tão melhores.
Eu gosto muito.
bjs

j. monge disse...

Gosto das marcas que a vida tem da mesma forma que gosto de te ler. Marcas-me a vida!

Beijo!

P.S. Vai fazer um ano publiquei uma letra sobre o mesmo tema. Passa por lá se der:
http://versalhadas.blogspot.com/2008/12/ps-de-galinha.html

Batom e poesias disse...

Fui lá e adorei João.
Que bom que existem os malucos e disparatados...rss

Curioso como os temas são sempre os mesmos, mas cada qual deixa sua marca particular...

bjs, poeta

Wania disse...

Querida Rossana

A Natureza é sabia, deixa que a alegria vinque o nosso rosto para que possamos nos lembrar de todos os bons momentos vividos, e nos ensina a esquecer e superar a tristeza para que nunca mais nos lembremos dela!


Lindo poema tirado dos doces vincos da tua Alma!
Adoro vir aqui te ler...


Um dia iluminado pra ti,
Bjão carinhoso!

Batom e poesias disse...

Doce Dra. Wania

É tudo isso mesmo que você disse...
Deixa a tristeza pra lá!

Feliz que tenha gostado.

Luz pra ti também, querida.
bj

Fran carvalho disse...

Rô, sempre dizndo coisas lindas .
bj
Fran Carvalho

Batom e poesias disse...

Fran, querida!
Estava com saudades de você por aqui.
Grata por vir.
bjim

Clarissa B. disse...

Ai que coisa boa..... viver e ser feliz.... e as rugas??? São histórias muito bem vividas....

Bjos.

mirian disse...

amei amei...
mil beijos

Batom e poesias disse...

Coisa boa é sua visita Clarissa.
Volte sempre.
bjs

Batom e poesias disse...

Obrigada Miriam!
bjs

guru martins disse...

...alguns
preenchimentos
com colágeno
fazem a manutenção
da beleza e alegria
e podem te deixar
até mais feliz...

bj

O mar me encanta completamente... disse...

Olha quem chegou lindinha ...
Senti saudades...
Essas semanas tiveram muito mar, muita caminhada.
Muito sal e céu, não defino qual dos dois é mais intenso, mas quero continuamente estar entre eles.
Com perdas e danos...
Porem com lembranças doces e conhecimentos grandiosos.
Fiquei sozinha, por opção, quis (re) pensar momentos da vida,
Planejar outros...
Voltei...
Inaugurando-me singular, com forças de oferecer ao meu amanhã,
Uma “edição repaginada” de mim mesma.
Voltei...
E hoje não para comentar, mas para agradecer.
Obrigada pela presença constante e esperada em meu cantinho.
E dizer que é agradável estar aqui, passeando por suas letras.
Você é imprescindível, e sabe disso.
Muito mais que parceria virtual, é item que me cabe.
Então, com todo meu carinho, com toda veracidade, com toda vontade, desejo q esta semana que quase acaba tenha sido como voce planejou, e que a nova semana, que chega logo, seja só o começo
do melhor que você ainda irá viver..

Glória

carlos disse...

Olà Rossana sou novo no blogger mas com muito interesse em poemas bonitos iguais aos seus, parabéns pelas postagens espero que me aceite sempre em sua pagina obrigado!
bjs!

vilma disse...

É sempre bom lê poemas lindos como esse cara a cara, parabêns! você consegue com seus versos tocar a alma do leitor.