domingo, 11 de julho de 2010

iconoclasta



Agora que já quebrei todas as promessa
Quero mesmo é ficar em dívida
Duvido ficar quite com qualquer santo
que me resguardaria
Já não faço barganhas
Devo não nego e não vou pagar
Não é por descaso
Não é por descuido
Não é de propósito
É mesmo por lassidão
por atonia confessa
Uma insolvente
Uma insolente
Assumo os pecados que me cometo
Minhas imprescindíveis iniquidades
Perpetro meus ócios
Reincido meus vícios
E se ainda houver alguém no céu
Que queira me blindar do castigo
Esteja comigo
Me aceite [com]paixão
Ou abdique logo de mim sem dó nem piedade
Pois que o inferno
eu já conheço.

33 comentários:

tonhOliveira disse...



Não há lugar pra SANTOS nesta "paróquia"!

Beijos!

Batom e poesias disse...

Sou Palmeiras, Tonh0.
:D
bjcas

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Rossana,
e quem não conheço ?
Poesia interessante...
Adorei o layout.

Boa semana
bj

Assis Freitas disse...

não restou pedra sobre pedra,

beijo

Leo Mandoki, Jr. disse...

não importa o tempo que leve....o que importa é apareceres...dizendo «estou aqui! não te abandonei»
beijos

j. monge disse...

passei para matar saudades e adorei.
Um beijo poeta!

Miltextos disse...

Amém. Amem.

contagotas disse...

Depois de ler seus poemas sempre haverá quem lhe perdoe.
Beijos

evanir disse...

Querida, como na vida nada é acaso
encontrei seus lindos poemas , também parai para ler um pouco sobre você .
Uma coisa me chamou atenção quando li Batom e Poesia .
Eu sou apaixonada por Batom , jamais imaginei encontrar um site Batom e Poesia .
Aqui uniu minhas paixões amo poesia.Entei seguido você menina poeta gostaria de ver vc me seguindo também.
Tenho habito de postar poemas de amigos .estou reinaugurando www.fonte-amor.zip.net/site.html
ofereço a você o troféu ouro ,Fonte de Amor .
Seus feitos esta na hora de ganhar esse trofeu espero que aceite ,pois é de todo coração .Uma linda semana , Beijos.
Evanir.

Zélia Guardiano disse...

Rossana querida
Que poema lindo!
Ai, que disso que falas entendo muito bem: também devo, e muito...
Mas há de haver, para nós, um indulto qualquer... É com isso que conto...rs...
Enorme abraço!

Lara Amaral disse...

Rossana: minha anjinha preferida torta caída aqui na terra como poetisa!

Beijo grande.

Batom e poesias disse...

Oi Cel,
Grata por vir e comentar.
bj

Batom e poesias disse...

Ah Assis, tem uns caquinhos...
:)
bj

Batom e poesias disse...

Mandoki, não te abandono jamais.
Gosto demais do seu estilo.
bj

Batom e poesias disse...

Que bom que veio, João.
Saudades também, poeta.
bjs

Batom e poesias disse...

Jorge, nem é uma oração...
É mesmo uma blasfêmia
:(

Saudades...
beijo

Batom e poesias disse...

Maria Ivone, já é um presente, que você lê-me.
Tão feliz quando vem...

Bjcas, querida.

Batom e poesias disse...

Evanir, seja bem vinda!
Estou contente por ter gostado e agradeço o presente.
De coração.
Bjs

Batom e poesias disse...

Zélia, minha querida
Espero que tenhas razão.
Beijos

Batom e poesias disse...

Larinha, um anjinho torto e caído.
Hehehe, é a minha cara...

Gosto muito de você.
bj

Mirze Souza disse...

Linda amiga!

Como é o inferno? Existe?

Não aqui nesse seu espaço com toda essa luz que você nos alimenta sempre.

Larinha tem razão!

Beijos

Mirze

Mário Lopes disse...

Imperfeita como todos os homens
poderás julgar que até a felicidade
se poderá encontrar
naquele sol de inverno
reflectido na poça de água da chuva
se nada mais houver
naquele horizonte cinzento.

Incompleta como todos os homens
construirás casas com pedras
que não foram alisadas
pelas águas da ternura
e poderás acreditar que até o amor
baterá nos corações das andorinhas
por lhes abrires as suas janelas.

Mas
como poucos
saberás encontrar
o último refúgio da verdade
na casa da poesia
e cantá-la
cantá-la
até voares com elas
nas manhãs claras
quando o ar é mais leve
e arderes aos nossos olhos
de homens imperfeitos e incompletos
como tu.



És uma poeta da vida, querida Rossana! O João tem toda a razão. É sempre um prazer enorme vir bater à janela da tua casinha.
Beijo terno.

Batom e poesias disse...

Minha amiga Mirse.
Não é que eu não faço a menor idéia?
Por vezes me sinto nele e por vezes tão longe...
Ou não!
:)
bjcas

Batom e poesias disse...

Mário, meu doce e amado amigo.
Será que tens a noção da felicidade que tenho ao te rever aqui da minha janela?
Quantas saudades!

beijão

ULTIMO ROMANTICO disse...

Há homens que têm patroa.
Há homens que têm mulher.
E há mulheres que escolhem o que querem ser.adorei sua poesia e voltarei sempre,ja estou te seguindo...

Batom e poesias disse...

Seja bem vindo.
Que não seja o último, romântico.

vanessacamposrocha disse...

lindo!! vamos fazer da vida um céu bem azulzinho!?

Eraldo Paulino disse...

E se um dia eu chegar ao céu, perguntarei: É aqui que se bebe quando temos vontade, se faz orgia quando a companhia e a vontade são muito boas e não há ninguém querendo se fazer de Deus?

Se for lá eu fico, se não eu desço pra qualquer canto.

Eu respeito as mulheres santas, mas gosto mesmo é das pessoas que sabem cometer os pecados certos, como você nesse brilhante poema.

Bjs que fazem melar batom em tudo que é canto!

Batom e poesias disse...

Vana, com você por perto tudo fica azulzinho.
Beijocas, minha linda.

Batom e poesias disse...

Nossa, Eraldo!
Que animação!

;D

Adorei seu comentário.
bj

Rodrigo Braga disse...

É preciso que todos os grilhões sejam quebrados para que a liberdade seja completa. E se for o caso como cantou o Baiano "Zera a Reza"

Batom e poesias disse...

A liberdade completa é muito solitária.
Ainda rezo, Rodrigo.
bjcas

Monólogo Poético disse...

Você é ótima! ou seria isso que há dentro de você que é ótimo?
Seja como for,estou encantada

:)