quinta-feira, 4 de junho de 2009

Vacância


Desisto da vaga anteriormente desejada
Meu currículo atende muitos requisitos
Mas o perfil do patrão
não se encaixa mais aos anseios
da candidata.

19 comentários:

Bea - Compulsão Diária disse...

Esse poema guarda uma ambiguidade interessante: a fila de emprego, a denúncia social, a isinuação de uma amor perdido. quem são nossos patrões a não ser nós mesmos?

Batom e poesias disse...

Sagacidade é uma qualidade que me estimula, Bea.
Mulher esperta!

Tens toda a razão sobre os patrões.
Mais que patrões, as vezes somos nossos próprios algozes.

Beijos

Mirse disse...

Perfeito, Rossana!

O social, o sentimento e o poder de mãos dadas num lindo poema!

Demais, amiga!

Beijos

Mirse

Batom e poesias disse...

Que bom que gostou Mirse querida.
Tua casinha de poemas também tem me comovido muito.

Beijos mil

R.Vinicius disse...

Interessante o verso! Você sabe compor com muito talento. Tens talento. Abraço,

R.Vinicius

Batom e poesias disse...

Obrigado Vinicius.
Fico honrada com teus comentários.
bjs

Rafael disse...

Yesssssss
muito bom!
bjs

glória disse...

Rossana, essa lugar que falta, esse vácuo, tão alardeado pela sociedade moderna do trabalho pelo fator meramente monetário, aqui surge de modo lírico e fundamentalmente subjetivo. Um poema que põe em cena o sujeito humano inteiro, com sua vontade de potência e o seu senso de liberdade de escolha. Amei. Obrigada por instigar meu retorno. bjs

Batom e poesias disse...

Tanks Rafa.
bjs

Batom e poesias disse...

Glória, que bom que voltou!
Não imaginas o quanto fez falta teus escritos.
Beijos enormes

R.Vinicius disse...

Ótimo final de semana para a senhorita.

Abraço,

R.Vinicius

Batom e poesias disse...

Pra você também, Vinícius.
abraço

Flavio Ferrari disse...

Poeminha bacana
diria até inspirador
fará pensar no fim de semana
essa alma de trabalhador

Batom e poesias disse...

Pense muito não, flávio
O fim de semana chegou!
Que seja ótimo!
bjs

j. monge disse...

bonito poema da cor do baton.

beijo!

Batom e poesias disse...

João, o poeta da música...
É sempre uma honra tua visita.
Beijo também.

Paradox Doc disse...

Candidata procura patrao ...
e so e possivel filosofar em alemao.

BAR DO BARDO disse...

oi, ross!

golpe de lâmina samirai -

silente e gritante...

- pimenta

Batom e poesias disse...

Que bom que entendeu, Henrique.
Diria que é mesmo uma decaptação em praça pública.
bjs